Por: http://bit.ly/1XrJtTq

Lubrificação, limpeza e refrigeração. Essas são as três principais e importantes atuações do óleo para o motor de carro. Talvez por ter tantas utilidades e também marcas e tipos, o lubrificante para o motor do carro é sempre causa de dúvidas. Neste artigo tentaremos esclarecer algumas delas para que você possa adquirir o melhor óleo para seu carro.

troca-oleo-e1317178918586

 

Tipos de óleo de motor

Para começar vamos deixar claro como os três tipos de óleo: mineral, sintético e semi-sintético. O primeiro é adquirido por meio de componentes diretamente do óleo. Já o sintético é feito exclusivamente por meio de reações químicas e sendo mais puro, e o semi-sintético é mistura dos dois. A primeira dica é não misturá-los, pois eles possuem características diferentes.

Manutenção do óleo do motor

Verifique a cada 30 dias o nível do lubrificante. Se o carro for mais antigo, reduza essa verificação para 15 dias.

Complete o nível do óleo sempre entre os dois traços. Abaixo do traço nível pode acontecer falta de lubrificação. Acima, pode haver aumento da pressão no cárter.

Na troca de óleo, é recomendado que o motor esteja quente. Assim ele fica mais fico escorrendo melhor.

O filtro de óleo é trocada junto com óleo. A maioria dos manuais diz que o filtro pode esperar um tempo maior, mas todos amantes de carro preferem trocar pois ele fica sujo.

Apesar de óleo não ter validade, é recomendado que haja troca a cada seis meses. Isso porque os componentes químicos do óleo podem acabar tendo menos eficiência, e as partes sólidas do motor, do desgaste natural, podem acabar danificando outras partes do motor do veículo.

unidadeii

A dúvida mais freqüente sobre troca de óleo:

Muitas pessoas passam anos dirigindo e trocando de óleo sem saber ao certo o que significam os números com um “W” no meio entre as embalagens de motor. Esses números fazem parte da uma classificação da Society of Automotive Engineers (SAE) que faz referência a viscosidade dos óleos a 100oC. Cada um dos números representa um escala: baixa temperatura, antes do “W”, e alta temperatura, que está localizada depois do “W”. A letras “W” vem da palavra inglesa Winter, que em português significa inverno.

Essa numeração é importante pois ela vai indicar o óleo ideal para o seu carro ou mesmo qual o melhor para substituição, pois quanto maior o número, maior a viscosidade do óleo para lidar com altas temperaturas e vice-versa. Por exemplo, se seu carro requer um óleo 15W40, e você não encontra no posto de gasolina, você sempre pode optar por um óleo cujo o número anterior seja menor que 15 e o posterior seja maior que 40. Fazendo isso, você garante que o óleo vai suportar baixas temperaturas sem solidificar-se ou prejudicar a bombealidade.

O contrário não é recomendado. Agora você não precisa mais ficar na dúvida quando for trocar o lubrificante para o motor de seu carro. Pegue o manual de instruções e veja qual são as viscosidades indicadas para seu veículo.